30 de dez de 2010

O tempo que tempo tem?

Deito de leve a cabeça no travesseiro
Quando fecho meus olhos de agora, o tempo se esgota
é a morte
Que se esvai quando renasço no tempo de amanhã

aquele que começa no novo e termina no antigo
aquele que começa no antigo e termina no novo

Nenhum comentário:

Postar um comentário